Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Vida com Deus’ Category

0_tiago1_5a

COMO CONHECER A VONTADE DE DEUS

de Dennis Downing

*

Uma das perguntas mais freqüentes que ouvimos é “Como é que eu posso saber a vontade de Deus sobre …”. Às vezes é uma questão de relacionamentos (namorar com esse, ou não; casar com aquele, ou não). Outras vezes a dúvida é em relação a emprego, mudança de cidade, escolha de carreira, etc. Às vezes tem-se bastante tempo para buscar a resposta. Outras vezes a resposta precisa ser encontrada numa questão de horas.

Seja qual for sua situação, há algumas dicas que podem ajudar.

Vários anos atrás, perguntei a um homem de Deus como tomar uma decisão de entrar num seminário para me preparar para servir num ministério. Ele deu as seguintes dicas. Eu as elaborei um pouco mais com passagens bíblicas que mostram que há um fundamento para todas elas. Há apenas cinco. Eu as coloco aqui na esperança de que, havendo necessidade, possam lhe ajudar. Que Deus seja sempre seu guia.

*

1. Oração

Tiago 1:5-6 – Se algum de vocês tem falta de sabedoria, peça a Deus, que a todos dá livremente, de boa vontade; e lhe será concedida. Peça-a, porém, com fé, sem duvidar, pois aquele que duvida é semelhante à onda do mar, levada e agitada pelo vento. 

Deus promete dar sabedoria e discernimento a todos que pedem. Precisamos pedir a Deus. Precisamos pedir com fé. Antigamente eu orava muito quando precisava de uma resposta ou ajuda, e muito pouco quando estava tudo bem. Precisamos nos habituar a orar constantemente a Deus, para conhecê-Lo melhor. Quanto mais nós O conhecemos, melhor entenderemos a Sua vontade.

Parte da maneira como Deus se revela para nós não é apenas através de respostas momentâneas, mas, através de um contato prolongado e profundo. Procure melhorar seu relacionamento com Deus em oração e, surpreendentemente, você verá que as respostas dEle às suas dúvidas virão de forma cada vez mais tranquila e natural.

8

2. A Palavra

Rom 12:1-2 –  “transformai-vos pela renovação da vossa mente”.

Nossas mentes tendem a fazer decisões baseadas em modelos de pensamento, e valores anteriores à nossa conversão, ou seja em valores do mundo. Esses valores podem nos levar a decisões erradas. Só a mente renovada pela palavra de Deus pode fazer boas decisões.

Podemos procurar passagens que ensinam sobre a nossa dúvida quanto à vontade de Deus, ou passagens que nos dão princípios bíblicos para nos guiar. Em tudo, precisamos estar orando para Deus nos orientar.

M

3. A orientação do Espírito Santo

Salmos 143:10 – “Ensina-me a fazer a tua vontade, pois tu és o meu Deus, que o teu bondoso Espírito me conduza por terreno plano”.

O Cristão tem o Espírito Santo como guia. Precisamos pedir a ajuda dEle. Ele provavelmente não falará em meu ouvido. Mas ele tocará em meu coração e operará em minha mente para me ajudar a conhecer a vontade de Deus.

M

4. Buscando Conselhos de cristãos maduros 

Prov. 12:15; (15:14; 18:15; 20:18) – “O caminho do insensato aos seus próprios olhos parece reto, mas o sábio dá ouvidos aos conselhos.”

Em 1 Reis 12, Roboão, um dos filhos de Salomão, um dos homens mais sábios da Bíblia, ao em vez de escutar os conselhos dos anciãos de Israel, escutou seus jovens amigos, e assim dividiu ao povo de Israel. É mais sábio procurar uma pessoa com experiência e bom exemplo na vida Cristã. Este homem ou esta mulher geralmente terá melhores condições de nos indicar qual seria a vontade de Deus.

Você conhece algumas pessoas em cujas vidas você vê Jesus? Procure os conselhos destas pessoas. Novamente, ao invés de esperar para a hora decisiva, é melhor começar a desenvolver estas amizades bem antes. Assim, teremos mais confiança na orientação desses irmãos mais maduros.

m

5. Portas abertas

Atos 16:6-7 – “E, percorrendo a região frígio-gálata, tendo sido impedidos pelo Espírito Santo de pregar a palavra na Ásia, defrontando Mísia, tentavam ir para Bitínia, mas o Espírito de Jesus não o permitiu.

Paulo queria ir para a Ásia. Deus tinha outros planos. Deus fechou portas no caminho de Paulo. Paulo acabou indo a Filipos, onde uma igreja importante foi fundada.

Deus quer nos mostrar o caminho. Só Ele pode nos mostrar a direção certa. Salmos 25:4-5 “Faze-me, SENHOR, conhecer os teus caminhos, ensina-me as tuas veredas. Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois tu és o Deus da minha salvação, em quem eu espero todo o dia.”

Se você quer seguir algum caminho, namorar ou casar com uma determinada pessoa, ou alcançar algum objetivo, se isto for a vontade de Deus, as portas vão abrir. Se não for, você pode forçá-las, mas pode depois vir a se arrepender devido ao que encontrar do outro lado daquelas portas. Esteja sempre atento para a vontade de Deus e para as portas abrindo ou fechando de acordo com Sua vontade.

m

E, lembre-se, é mais fácil saber o que uma outra pessoa realmente quer quando você conhece bem aquela pessoa. Certamente Deus irá revelar a vontade dEle para nós. Mas, quanto mais O conhecermos, mais claramente entenderemos e ouviremos Sua vontade. Por isso é bom desde já buscar conhecer cada vez mais a Deus.

Deus te abençoe.

Fonte: Iluminalma

o

______________________

o

Leia também:

m

 

Read Full Post »

*

DECEPÇÃO! Acontece quando alguém se compromete em nos ajudar em algo, mas não aparece. Quando um amigo promete nos levar para um determinado lugar, mas não leva. Quando uma pessoa querida diz que vai fazer alguma coisa por nós, mas não faz… Quem nunca passou por isso?

É muito frustrante confiar em alguém e perceber que aquela pessoa não merecia nossa confiança.

Por outro lado, nós também muitas vezes fazemos o mesmo. Simplesmente não conseguimos cumprir com o combinado. A diferença é que, no nosso caso, sempre sabemos o motivo e nos defendemos com nossos argumentos e justificativas. Diferentemente de quando é a outra pessoa que falha conosco.

Mas, de uma forma ou de outra, a questão é uma só. Nem nós, nem ninguém consegue controlar as circunstâncias

Ouçam agora, vocês que dizem: “Hoje ou amanhã iremos para esta ou aquela cidade, passaremos um ano ali, faremos negócios e ganharemos dinheiro”. Vocês nem sabem o que lhes acontecerá amanhã! Que é a sua vida? Vocês são como a neblina que aparece por um pouco de tempo e depois de dissipa. Ao invés disso vocês deveria dizer: “Se Deus quiser, viveremos e faremos isto ou aquilo”.  Tiago 4:13-15

*

Sofremos porque nos esquecemos deste princípio tão elementar: “o amanhã a Deus pertence“.

Não podemos prever quando algo inesperado vai acontecer: um pneu furado, um ônibus quebrado, uma visita imprevista, um compromisso repentino, uma enfermidade, um desânimo, uma situação súbita. Não podemos prever o imprevisível a que todo ser humano mortal está sujeito! Ninguém pode garantir o futuro!

Se isso é certo, então devemos, sim, aprender a esperar o inesperado. Parece contraditório, mas na prática isso significa não se exasperar quando alguém não aparece na hora marcada ou não consegue cumprir uma promessa feita.

Além disso, sabemos que “todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus” (Rm 8:28). Aquele cuja vida está entregue nas mãos de Deus precisa acreditar que Ele realmente está no controle de todas as coisas, até daquelas aparentemente mais insignificantes. “Em seu coração o homem planeja o seu caminho, mas é o Senhor quem determina os seus passos” está escrito em Provérbios 16:9.

Aquele combinado que não deu certo, aquele compromisso que atrasou e aquele carro que quebrou, podem ter sido fruto do agir de Deus em nossas vidas, nos livrando de algo que talvez nunca saberemos. Ele não nos deve satisfações e faz o que quiser, do jeito que quiser. E tudo o que Ele faz é bom, sempre a melhor alternativa para a nossa vida.

Deus quer tratar em nós essa ânsia por controle e dominação do tempo e do espaço.

Fazer planos e contar com a ajuda de outras pessoas não é o problema. O problema é quando insistimos em ter controle absoluto sobre a nossa vida, nossa agenda e a agenda dos outros.

Que vivamos mais “relaxadamente”, descansando nos ternos braços do nosso Rei. Sabendo que imprevistos acontecem e que cada situação inesperada pode ter sido causada por um anjo do Senhor, visando nos conduzir para mais perto de Deus.

* * *

*

Márcia Rezende
Bacharel em Teologia e Educação Cristã
Marília/SP
*
Permitida reprodução e distribuição sem fins lucrativos
mediante citação da fonte e autoria.

*

*

Leia também:

*

Read Full Post »

*

Como a grande maioria das mulheres brasileiras, divido o meu tempo entre trabalho (no meu caso, ministério), igreja, família, casa, compromissos pessoais, supermercado, farmácia, médico, banco, etc, etc, etc… Claro que nunca dá tempo de fazer tudo, então vamos focando no que julgamos ser prioritário. No meu caso, o serviço doméstico sempre fica por último, e às vezes o trabalho vai se acumulando. De repente, chega o dia em que não dá mais para adiar.

Hoje precisei limpar dar uma “geral” no fogão. Fogão brilhando, olhei para o lado e notei o quanto o armário estava sujo!! Impossível deixá-lo neste estado ao lado do fogão limpinho. E assim foi, até que azulejos, pia, geladeira e chão fossem todos igualmente limpos.

Horas se passaram e, enquanto isso, o Espírito Santo ministrava ao meu coração: não percebemos o quanto estamos sujos até que começamos o processo de limpeza.

Nossa vida espiritual é assim: se imediatamente após cometermos um pecado o reconhecemos, nos arrependemos e o confessamos, somos lavados e justificados pelo sangue do Cordeiro e seguimos nossa caminhada em santidade.

Mas, se ao invés disso, estamos ocupados demais com outras prioridades e deixamos a limpeza pra depois, a sujeira vai se acumulando, acumulando e acumulando até o ponto em que nem a identificamos mais, ou a bagunça é tamanha que achamos que não tem mais jeito.

Daí o processo de limpeza é mais doloroso, leva mais tempo, dá mais trabalho, cansa, dói.

Que sejamos sábios, humildes e prontos a nos livrar de tudo o que nos afasta de Deus, não em faxinas esporádicas, mas num processo contínuo de restauração, libertação e cura. Simples assim!

_

“O sabão lava o meu rostinho,

lava os meus pezinhos, lava as minhas mãos.

Mas Jesus, pra me deixar limpinho,

quer lavar meu coração.

Quando o mal faz uma manchinha

eu sei muito bem quem pode me limpar

É Jesus! Eu não escondo nada! 

Tudo Ele pode apagar.”

 

__________________

*

 
Márcia Cristina Rezende
Bacharel em Teologia e Educação Religiosa
Marília/SP
*
Permitida reprodução e distribuição sem fins lucrativos
mediante citação da fonte e autoria.
 

***

 
 

Leia também:

*

Read Full Post »

Evangélico ou cristão? Com ou sem Igreja? Tradicional, pentecostal ou avivado? Hoje a discussão do modus operandi só aumenta enquanto a missão de implantarmos o Reino de Deus se perde no meio da polêmica. Compartilho com vocês, um artigo muito bom a respeito.

 

Por: Claudio Rogerio da Silveira Modesto

Em alguns segmentos o alvo determinado está mais longe de ser alcançado em virtude das questões emocionais que envolvem os membros de uma equipe de liderança cristã.

Eles são incapazes de dissociar a pessoa das atitudes ou comportamentos por ela desenvolvidos. Por isso, muitas organizações e ministérios cristãos entram num ciclo insano e voltam à estaca zero vez por outra. A cultura do cabo de guerra, da disputa, em benefício próprio e da projeção pessoal tem afastado as organizações do seu alvo, dentro de um planejamento estratégico. 

Não foi assim que fomos ensinados por Jesus. Observe o texto de Marcos 9: 38 a 41 e Lucas 9:49 e 50 –Eles nos mostram a limitação de João em concentrar a tarefa entre os membros de sua equipe e ao menor sinal de que outra equipe estivesse trabalhando com um mesmo objetivo ele se posiciona de maneira contrária, sem procurar conhecer os fatos, a motivação e o benefício que a outra equipe poderia adicionar ao contexto. Quando João relata o fato a Jesus ele reage dizendo:

– “Não lhe proibais… Pois quem não é contra nós é por nós” – já no texto de Lucas Ele enfatiza: “Quem não é contra vós é por vós”. A rivalidade entre os que realizam o trabalho de Deus já existia na época de Jesus.  Jesus não estava preocupado com o Modus Operandi a ser aplicado, mas, em que a cultura do seu Reino fosse estabelecida trazendo libertação e levando o cativo, o aflito novamente para sua presença.

Na verdade, não poucas vezes estamos observando uma guerra velada entre os líderes cristãos e pregadores da Igreja deste século. No entanto, sabemos que os sentimentos de rivalidade e concorrência não são compatíveis com os ensinamentos de Jesus. Trazendo clareza aquela situação, Ele faz ecoar a sua voz nos dias de hoje: – Quem não é contra nós é por nós ou quem não é contra vós é por vós!

Uns acreditam que a forma de ser Igreja hoje é falida e arcaica, outros estão levando pessoas à Cristo através da forma de Igreja que aí existe; alguns acreditam que o melhor é se reunir em casas, em pequenos grupos, porém outros preferem realizar grandes eventos, não há problema algum desde que o alvo seja alcançado, ou seja, pessoas sejam transportadas do império das trevas para o Reino de Deus.

Alguns preferem se reunir em hotéis, cafés, outros desenvolvem um trabalho de cura interior e libertação, uns expulsam demônios outros acreditam que as pessoas são libertas sem nenhum tipo de manifestação. Alguns preparam homens e mulheres que se tornarão líderes e pastores que alcançaram muito mais do que se ele estivesse pastoreando uma Igreja somente.

Uns acreditam que é importante serem chamados de apóstolos, profetas, pastores, mestres e doutores; já outros grupos são e vivem como apóstolos e profetas, mas, abominam o título.

À exemplo da atitude de João, devemos nós criar oposição para que alguém realize o trabalho de Deus na terra? Não!

Ouça o que Jesus respondeu a João – Não os proibais! Pois, quem não é contra nós é por nós! Sendo assim, eu encorajo você a realizar o seu chamado e potencializar o chamado do seu companheiro sem agredi-lo com críticas ou até mesmo sem copiá-lo. Deus é suficientemente criativo para fazer você alcançar pessoas através de um chamado pessoal. Vivendo da forma que Deus te chamou para viver e não se incomodando com a forma que os outros encontraram para servi-lo.

Infelizmente se gasta muito tempo procurando modelos a seguir e, muito pouco tempo anunciando e vivendo o evangelho, dando-se ênfase ao MODUS OPERANDI e deixando de lado o MODUS VIVENDI.

Quer um conselho: Não desperdice a tua vida, não jogue fora o teu talento, não permita que o opaco da rivalidade impeça você de resplandecer como luz do mundo que você é. Gaste a sua vida cumprindo o seu chamado.

“Cada um permaneça na vocação em que foi chamado… Irmãos, cada um permaneça diante de Deus naquilo em que foi chamado.” (1 Coríntios 7.20,24)

Fonte: Instituto Jetro

Read Full Post »

*

QUANTA LIBERDADE VOCÊ QUER? 
de Dennis Downing

*

Sexta feira você toma um ônibus para o interior. Você pretende
visitar parentes. É noite. Final de semana. O tráfego é intenso. Como
se não bastasse, começa a chover.

O motorista do ônibus está correndo. Ele anda a 65 Km/h, depois
acelera para 75. Daqui a pouco ele está correndo a 80. A chuva é
intensa. Você está sentado na frente do ônibus e quase não vê a
estrada. Passa cada caminhão quase batendo na lateral do ônibus!

Você começa a ficar com medo. Você fala com o motorista para ele ir
um pouco mais devagar. Ele responde “Não se preocupe! Estou dentro do
limite de velocidade. Nesse trecho aqui posso andar até 90!” E ele
começa a acelerar até 90 por hora.

Você quer que ele corra a 90 nessas condições? Embora ele esteja
dentro da lei, embora ele tenha todo direito de fazer isso, você quer
que ele faça tudo que é permitido?

É sempre bom fazer valer todos os direitos que temos? É sempre bom
usufruir de toda nossa liberdade?

Será que é sempre bom a gente fazer o que quiser, desde que não
quebre as regras? Há muita coisa que, como Cristão, eu tenho
liberdade para fazer. Mas, isto quer dizer que é o melhor?

*

“Todas as coisas são lícitas, mas nem todas convêm; todas são
lícitas, mas nem todas edificam.” 1 Cor 10:23

*

“Irmãos, vocês foram chamados para a liberdade. Mas não usem a
liberdade para dar ocasião à vontade da carne (ou à natureza
pecaminosa); ao contrário, sirvam uns aos outros mediante o amor.”
Gálatas 5:13

*

_________________

*

Leia também:

*

Read Full Post »

Segredos do coração de Deus para o seu coração

 

Deus, movido por seu imensurável e perfeito amor, comprou-nos, pagando com sua própria vida através de Jesus Cristo e nos fez seu JARDIM, um jardim fechado e regado pelo seu Espírito.

Nesse Jardim, Ele deseja entrar e estabelecer um relacionamento de comunhão com cada uma de nós.  Veja o que diz a Palavra em Cantares 2.11-14:

Porque eis que passou o inverno; a chuva cessou, e se foi; aparecem as flores na terra, o tempo de cantar chega, e a voz da rola ouve-se em nossa terra. A figueira já deu os seus figos verdes, e as vides em flor exalam o seu perfume;  levanta-te, meu amor, formosa minha, e vem. Pomba minha, que andas pelas fendas das penhas, no oculto das ladeiras, mostra-me a tua face, faze-me ouvir a tua voz, porque a tua voz é doce, e a tua face graciosa.”

Deus nos ama e tem para nós uma fonte inesgotável de bênçãos. O Criador do Universo é o maior especialista em todas as áreas e quer compartilhar conosco seus segredos. Segredos que podem alegrar o nosso coração, melhorar o nosso dia e até mudar completamente a nossa vida. Ele quer nos revelar, por exemplo, qual corte de cabelo combina mais com o nosso formato de rosto, quer nos mostrar como acertar o ponto daquele prato que tentamos fazer há tempos. Ele quer nos ensinar os segredos de como conquistar o coração dos nossos filhos, como ter uma noite romântica maravilhosa com nosso esposo e também como resolver nossos problemas financeiros. Enfim, todas as respostas para todas as questões da nossa vida estão nas mãos do nosso Amado Senhor, e Ele quer nos contar seus segredos.

Infelizmente, nem sempre isso é possível. Sabe por quê? Simplesmente porque não preparamos o nosso jardim para recebê-lo. E então sofremos, choramos, nos frustramos e decepcionamos por falta de conhecimento.

Quantas vezes Jesus chegou até a porta do seu jardim, mas nem conseguiu entrar tamanha a desordem do lugar. Outras vezes Ele até entrou, mas havia tanto serviço a ser feito, que foi simplesmente impossível desenvolver qualquer tipo de diálogo mais profundo conosco. E então, vagarosamente Ele se virou e pensou: “Que pena, minha filha, eu tinha tantas coisas para conversar com você hoje… Hoje eu iria te dizer como resolver aquele problema que tem lhe tirado a paz… mas não foi possível, não é mesmo? Amanhã estarei de volta, e quem sabe você poderá me receber e ouvir os segredos que tenho guardado para você.” E assim, dia após dia, Ele volta ao nosso jardim, esperando o tempo certo para nos abençoar. Não porque merecemos, mas porque as suas misericórdias se renovam a cada manhã.

O versículo 15 de Cantares 2 diz assim: “Apanhai-nos as raposas, as raposinhas, que fazem mal às vinhas, porque as nossas vinhas estão em flor.”  Precisamos estar atentas e cuidar para que nada danifique o nosso jardim. Raposas e raposinhas simbolizam tudo o que entra no nosso coração e mata nossa comunhão com o Pai, impedindo que Ele nos revele seus segredos.

Existem pelo menos quatro atitudes essenciais que precisam ser cultivadas a fim de preparar o nosso Jardim para receber o Amado: quietude, santidade, confiabilidade e intimidade.

1. QUIETUDE

Segredo se fala baixinho, por isso é preciso silêncio para escutá-lo. Uma alma inquieta e aflita, preocupada com muitas coisas, não consegue ouvir a Deus. Num mundo de informações emergentes e com tantas vozes bramando dentro e fora de nós é cada vez mais difícil separarmos um tempo para estar a sós com o Pai. Mas precisamos aprender a calar a nossa alma e, mesmo por alguns instantes, nos desligar do mundo exterior para beber da fonte que é Cristo. Seja num monte durante a madrugada, seja cinco minutos trancada num banheiro, exercite o silêncio interior e esteja preparada para ouvir a voz do Noivo sussurrando ao seu coração.

2. SANTIDADE

Segredo se fala de pertinho, e como é possível permanecer juntinho de Jesus se estamos cheirando mal?  Deus é santo, e o pecado agride sua santidade, fazendo separação entre Ele e nós. A verdade é que o pecado fede e nos afasta do Espírito Santo. Cabe aqui lembrar que viver em santidade é muito mais do que ser assídua aos eventos da igreja ou orar muito. Não são poucas as pessoas que oram, oram, oram, mas nunca mudam. Vivem uma religiosidade vazia e mascarada. Cristo quer um coração cheiroso, limpo, lavado continuamente pelas águas purificadoras de sua Palavra. Ele não resiste àquele que abre mão de tudo para se deleitar quebrantado em sua presença.

3. CONFIANÇA

Segredo se fala a quem se confia. Quantas vezes traímos a confiança de Jesus contando a outras pessoas os segredos que Ele revelou a nós? Ficamos tão impressionadas com o fato de ouvir algo novo de Deus que queremos que todos saibam o quanto somos “espirituais”. Então saímos por aí batendo com a língua nos dentes, soltando aos quatro ventos algo que o Mestre disse especificamente para nós. Oh, pobres mortais que somos!!! Lembre que Deus nos chama de “jardim fechado” e não público. A menos que tenhamos instruções específicas para transmitir uma determinada mensagem a outra pessoa, que aprendamos a guardar no coração os tesouros que Deus tem nos entregado em nosso jardim.

4. INTIMIDADE

Finalmente, segredo se fala com quem se tem intimidade. E intimidade é algo que precisa ser construído a cada dia. Não é automático. Muitos resumem seus momentos com Deus aos cultos semanais, limitam seu relacionamento com o Pai aos “rolês” de fim de semana, vivendo dia após dia como se Jesus não existisse, ignorando sua presença. Jesus é um Deus pessoal e tem sentimentos. Todas nós sabemos o quanto é importante OUVIR da boca do nosso esposo que ele nos ama, não é mesmo? Não nos contentamos com um mero “Ah, eu não preciso falar porque você já sabe.” Mas muitas vezes fazemos isso com Jesus. Pensamos: “Ah, Ele sabe… Ele sabe que eu estou triste, que eu estou feliz, que eu estou com problemas…” e aí nos calamos e paramos para falar com Ele só em situações formais, nas horas de culto, no momento da intercessão. É verdade que Ele sabe, mas Ele quer ouvir da nossa boca, quer conversar conosco. Ele está ao nosso lado o dia todo, aproveite essa presença maravilhosa e cultive sua amizade com Ele. Converse com Ele sobre o almoço, sobre o ônibus que atrasou, sobre aquela desconfiança que apareceu, o pneuzinho abdominal que aumentou… fale sobre tudo o tempo todo. Ele quer ser seu AMIGO.

Há inúmeros e maravilhosos segredos diretamente do coração de Deus para o seu coração, que Ele mesmo quer lhe revelar no aconchego do seu jardim. Apanhe as raposinhas que tem danificado suas flores e apronte-se para o Amado.

Se o seu jardim está seco e abandonado, ferido com tantas tempestades que têm se abatido sobre ele, nosso Maravilhoso Jardineiro está pronto a soprar sobre ti um novo vento, que levará para longe toda a sujeira que os invasores deixaram, fazendo renascer a esperança e brotar nova vida onde antes só havia galhos secos.

Cuide do seu jardim: cultive a cada dia uma alma quieta, uma vida santa, um coração confiável e um relacionamento de intimidade com o Pai, e se delicie nos fartos banquetes que o Noivo tem preparado para aqueles que o amam.

Vai valer a pena!!!

Márcia Cristina Rezende

Bacharel em Educação Religiosa

Marília/SP

Permitida reprodução e distribuição sem fins lucrativos

mediante citação da fonte e autoria.

Read Full Post »


Por Fernando Ortega

Você já sentiu isso?

Tipo, você está no meio do louvor, e começa a adorar. Coloca seu coração em cada palavra, masssssss……. não sente “aquela unção“…… ou presença de DEUS…. como vc queira chamar.
Daí você começa a se perguntar:

– Será que DEUS está recebendo meu louvor?
– Será que tenho algum pecado a ser confessado?
– Será que DEUS se afastou de mim?

Então te pergunto:
– Porque você está perguntando isso?

Você responde:
Ué… porque não to sentindo nada! Acho que Deus não está recebendo minha adoração…..

Béeeeeee!!! Resposta errada!
Quem disse que você precisa sentir algo para adorar a DEUS? Heim? Heim? Heeeeim?????

Vou lhes contar um testemunho:
Estava em meu aposento (huahauha que brega! “Quarto” mesmo!). Então como gosto de fazer, deitei no chão e comecei a orar e adorar a DEUS. Passaram-se os minutos e não sentia  ”aquela presença de DEUS”…..

Passado mais um tempo, disse: “Amém, SENHOR…. vou dormir….” – Disse isso, mas o que meu coração dizia era “já q o SENHOR não vem, eu vou dormir…..”

Coloquei o 1º pé debaixo do edredon qndo DEUS resolve me dar uma lição:

– Fê, porque você está indo dormir?
– Ah PAI…. o SENHOR não veio… fiquei orando e adorando e nada……
– E quem disse que não estava aqui?
– Sei lá…. não senti nada…..
– Ah…. quer dizer que você precisa de um toque pra me adorar?
– Não… é que eu……
– Significa q você é como um carro velho que precisa ser empurrado?
– Não PAI…… é que…..
– Então você precisa sentir algo pra me adorar?
– Ok…. entendi……
– Fê, desde que você fechou os olhos eu estou aqui!!

Cara, eu gosto como DEUS trata comigo! Hahaha!! Sei lá… acho cômico as vezes!

Mas depois de ouvir isso DELE, pulei da cama e voltei a orar e adorar. Dai pra frente durou mais de 1 hora!!!

Com essa lição, aprendi: Você não tem que adorar a DEUS pelo o que ELE faz em você e sim PELO O QUE ELE É!

Se adorarmos a Deus esperando um “toque” Dele, nos estaremos barganhando com Deus em nossa adoração!

Pai, te adoro, mas me toca, faz eu sentir algo tá?

Consegue sentir o quão desprezível isso é?

O que nós queremos fazer com o louvor e adoração é agradar a DEUS certo? (sabendo que nossas vidas por completo devem ser para exclusiva adoração a ELE, quer comamos ou quer bebamos – 1 Coríntios 10:31 )

Ok, agora analisemos o seguinte versículo:

Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam. – Hebreus 11:6

Vamos analisar este texto:

Sem fé é impossível agradar-lhe:
Não dá pra montar um estudo sobre fé aqui, mas a fé não se baseia em sentimentos! Não tem nada com emocional. DEUS permite que você veja milagres, coisas aconteçam e até sensações em seu corpo com o objetivo exclusivo de te dar/acrescentar fé. Porque é assim que você verá teu Deus agindo e isso fará você crer com mais convicção NELE. Então se você tiver fé (não baseada em emoções) então você estará agradando a DEUS, logo, adorando a Deus.

…porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que Ele existe:
Não sei se na sua bíblia está diferente, mas na minha diz “CREIA que ELE existe” e não “SINTA que ELE existe”. Perceba que nessa frase tem o “é necessário“. É de suma importância você crer (não é sentir!) que ELE está onde você está!

…e que é galardoador dos que o buscam:
Se você o buscar de todo o coração, não tem como ELE resistir à sua adoração! (Salmos 51:17). Imagina um pai q ouve sua filhinha dizer:

Papai, ti amuuu!!!

Que PAI resiste a isso? Com certeza ele vai correr ao encontro dela e abraçá-la, beijá-la, apertá-la……

A adoração deve ser baseada em nossa fé e não em nossas emoções! Fé é o firme fundamento e emoção é instável.

Talvez você já ficou chateado(a) porque no acampamento todos foram “tocados” menos você, no culto, os irmãos são cheios e você não, no seu quarto parece que a oração não passa do teto…….

Não seja um carro velho! Não se apoie em suas emoções para adorar a DEUS! Apoie-se na fé! Você não precisa sentir que ELE está com você, você precisa CRER que ELE está ali com você!

Não adore a DEUS barganhando. Não o adore só por causa de SUA maravilhosa presença, não o adore já esperando que ELE vai vir e te tocar, não o adore esperando que ELE vai se manisfestar!!!! Adore pelo o que ELE é! Pelo o seu infinito amor!

Você ficaria feliz se as pessoas te procurassem SOMENTE por algo que você tem, ou seja, por interesse?

Morrer na cruz não foi o bastante pra você?

Porque em Jesus Cristo nem a circuncisão nem a incircuncisão tem valor algum; mas sim a fé que opera pelo amor. – Gálatas 5:6

Fé que opera por amor:
Este é um versículo que o SENHOR me mostrou de forma tremenda! Sua fé, deve agir baseada em seu amor a Ele!! Você crê porque O ama!!!

Se na adoração devemos crer, então creiamos amando ELE!

Uhuuuuuuu!! Cara!! Meu coração se enche de alegria enquanto escrevo isso!!! DEUS é fantástico cara!!! Glória a ELE!!! ELE é lindo, lindo, lindo!!!! E cheroso!!! Heheh!

Na próxima vez que você quiser adorá-lo (agradá-lo), faça-o com fé baseada no amor a ELE e crendo que ELE está no exato lugar onde você está! Tipo ae do seu lado enquanto você lê este estudo!

Que tal olhar pra ELE agora e o adorar???

Fonte: Blog Não Morda a Maçã

Read Full Post »

« Newer Posts - Older Posts »